Guia ilustrado traz comportamento de peixes-bois

Publicação foi elaborada pelo ICMBio em parceria com pesquisadores no Brasil.

thumbnail Peixe boi marinho
Ilustração de um peixe-boi marinho.

O Instituto Chico Mendes de Conservação da Biodiversidade (ICMBio) elaborou uma publicação para ajudar na identificação e interpretação do comportamento de peixes-bois. O texto se utiliza de uma linguagem simples, com ilustrações didáticas sobre o tema para orientar estudantes, profissionais e o público em geral. A proposta do guia é mostrar as atividades da espécie, além de uma padronização de interpretação sobre as observações dos pesquisadores.

O Comportamento de Peixes-bois – Guia Ilustrado traz capítulos sobre o comportamento da espécie em relação ao contato, alimentação, reprodução, movimentação, descanso, aspectos clínicos, entre outros.

Os sirênios são mamíferos aquáticos e, no Brasil, existem duas espécies: o peixe-boi-marinho e o peixe-boi-amazônico. Atualmente, se encontram em ameaça de extinção, mas possuem programas de conservação realizados pelo governo federal e parceiros (universidades e instituições). Entre as ações realizadas, destacam-se o resgate, a reabilitação e a soltura de ambas as espécies, além de estudos de impactos e ameaças aos animais.

O peixe-boi-marinho apresenta como característica o corpo acinzentado ao marrom, de formato fusiforme. Os filhotes nascem com aproximadamente 30 kg e 1,24 metros de comprimento; já os adultos podem medir até 4,5 metros e pesar mais de 600 kg. O peixe-boi-amazônico é o menor e único sirênio exclusivamente de água doce, mas é também o maior mamífero aquático herbívoro da Bacia Amazônica, podendo um adulto medir até 2,75 m e pesar até 420 kg.

Acesse aqui a publicação

Comunicação ICMBio
(61) 2028-9280

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.