Funai articula aquisição e distribuição de cestas básicas para indígenas

A Fundação Nacional do Índio (Funai) vem articulando junto a diferentes setores do governo a aquisição e distribuição de cestas básicas a indígenas em situação de vulnerabilidade.

WhatsApp Image 2020-04-02 at 10.03.40 (1)
Foto: Acervo/Funai

O objetivo é garantir a segurança alimentar dessas populações em meio à pandemia da covid-19. Até que o pico da doença diminua, não é recomendado aos indígenas deixar as aldeias.

Participam das tratativas o Ministério da Mulher, da Família e dos Direitos Humanos (MMFDH), a Companhia Nacional de Abastecimento (Conab) e a Secretaria Especial de Saúde Indígena (Sesai), entre outros. A Funai não possui obrigação legal de adquirir as cestas, por isso atuará como articuladora da ação.

O órgão dará apoio logístico aos trabalhos e fará a intermediação, junto aos povos indígenas, para a entrega dos itens. Para tanto, solicitou às suas Coordenações Regionais um levantamento da necessidade de entrega das cestas nas suas áreas de atuação.

As unidades regionais já estão em contato com representantes do poder público em nível local a fim de operacionalizar a distribuição dos alimentos assim que eles estiverem disponíveis. Além disso, a fundação está fazendo um estudo detalhado da necessidade de orçamento adicional para garantir a execução das atividades.

Funai e Planalto alinham ações de combate à covid-19

A Fundação Nacional do Índio (Funai) e o Palácio do Planalto alinharam nesta quinta-feira (2), em reunião virtual, ações de combate ao novo coronavírus entre a população indígena. Uma das metas, por exemplo, é garantir a entrega de cestas de alimentos a famílias em situação de vulnerabilidade social.

Para tanto, a Funai vem articulando junto a diferentes setores do governo a aquisição e distribuição dos itens, garantindo, assim, a segurança alimentar dessas populações. Para evitar o contágio pela covid-19, não é recomendado aos indígenas deixar as aldeias até que o pico da doença diminua, o que pode dificultar o acesso deles a determinados alimentos.

A fundação pretende dar apoio logístico à entrega das cestas, além de fazer a intermediação, junto aos povos indígenas, para destinação dos itens. As unidades regionais já estão em contato com representantes do poder público local, a fim de operacionalizar a distribuição dos alimentos tão logo eles estejam disponíveis.

Assessoria de Comunicação / Funai

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.