Militares atuarão no combate ao desmatamento em UCs

Portaria estabelece que a Força Nacional atuará por mais 180 dias no combate ao desmatamento.

Militares vão atuar nas unidades de conservação, com ênfase no combate ao desmatamento na região amazônica. (Foto: Divulgação)

A Força Nacional de Segurança Pública vai permanecer por mais 180 dias, no período de 20 de outubro até 16 de abril de 2020, em apoio às ações de fiscalização do Instituto Chico Mendes de Conservação da Biodiversidade ICMBio, conforme portaria do Ministério da Justiça e Segurança Pública, publicada no Diário Oficial da União na última quinta-feira (17).

Para o presidente do ICMBio, Homero Cerqueira, o apoio da Força Nacional é fundamental para garantir a segurança dos fiscais nas ações de fiscalização dentro das unidades de conservação na Amazônia.

De acordo com o documento, os militares vão atuar nas unidades de conservação federais, com ênfase no combate ao desmatamento na região amazônica. As ações de fiscalização serão em caráter episódico e planejado.

A quantidade de militares ser disponibilizados obedecerá ao planejamento definido pelo ministério. A portaria diz ainda que o prazo do apoio prestado pela Força Nacional poderá ser prorrogado, caso seja necessário, cabendo ao ICMBio o apoio logístico e disponibilizar a estrutura necessária aos militares.

*Com informações da Agência Brasil

FONTE: ICMBio  –    

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

*

WP2Social Auto Publish Powered By : XYZScripts.com
%d blogueiros gostam disto: