Garimpeiros e familiares fazem protesto e bloqueiam parcialmente BR-174; ‘legalização do garimpo’

Grupo se concentrou na manhã desta quarta-feira (9), no Parque Germano Sampaio, zona Oeste.

Familiares e garimpeiros se reuniram para pedir a legalização do garimpo – Edinaldo Morais/Roraima em Tempo

Mais de 300 pessoas, entre garimpeiros e familiares, realizam um protesto reivindicando o andamento do projeto que legaliza a atividade de garimpo. O grupo se concentrou desde as primeiras horas da manhã de hoje (9), no Parque Augusto Germano Sampaio e seguiu em carreata até o Anel Viário, sentido Sul de Roraima, para bloquear parcialmente a BR-174.

De acordo com informações apuradas pelo Roraima em Tempo, os manifestantes solicitam uma reunião com o presidente da República, Jair Bolsonaro (PSL), e com a bancada federal para saber como anda o projeto que legaliza o garimpo e, principalmente, querem a garantia de poder garimpar nas terras durante a tramitação do projeto.

O grupo informou que o protesto é pacífico e conta com apoio das equipes da Polícia Rodoviária Federal (PRF) e da Secretaria Municipal de Segurança Urbana e Trânsito (SMTRAN). Os garimpeiros e familiares afirmaram que vão montar acampamento por dois dias na BR-174.

PROJETO

O Governo Federal, por meio do O Ministério de Minas e Energia, já sinalizou desburocratizar o regime de outorga de lavra garimpeira e assim possibilitar a regularização de garimpos clandestinos pelo país.

A lavra de mineração, atualmente, precisa da autorização da União para ser concedida e da licença ambiental do poder estadual para funcionar, por isso, a ideia do Governo é de simplificar esses trâmites. Além disso, a gestão Bolsonaro busca regularizar a mineração em terras indígenas.

Foto: Roraima em Tempo

LEIA MAIS 

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*

WP2Social Auto Publish Powered By : XYZScripts.com
%d blogueiros gostam disto: