Com presença do ministro Ricardo Salles, Ibama deflagra maior operação contra extração de madeira em Espigão do Oeste

O Instituto Brasileiro do Meio Ambiente (Ibama) deflagrou nesta quarta-feira a Operação Honoris em Espigão do Oeste a 540 km de Porto Velho para combater a extração ilegal de madeira em território indígena das tribos Zoró e Cinta-Larga.

Considerada a maior investida contra crime ambiental do atual Governo, o ministro Ricardo Salles desembarca na cidade acompanhado do deputado federal Coronel Crisóstomo (PSL) para uma reunião com madeireiros no Anfiteatro Rangel Galvez.

Mais de 200 homens entre agentes do Ibama (30), policiais militares (60) e Exército (110) chegaram cedo na região. O comboio segue para o distrito de Boa Vista do Pacarana.

FOTO: Rondoniagora

Nessa mesma região, no dia 4 de julho, um caminhão-tanque que levava combustível para abastecer uma aeronave do Ibama foi queimada pela população (foto). A Operação Honoris seria uma resposta ao atentado contra a instituição. O clima ficou tenso desde então porque o órgão embargou 47 madeireiras.

Além da reunião com madeireiros, o ministro Ricardo Salles pretende visitar a Reserva Roosevelt dos Cinta-Larga, onde existe um garimpo ilegal de extração de diamantes. No dia 6 de julho, a Polícia Civil de Comodoro (MT), a 800 quilômetros de Porto Velho, apreendeu 500 pedras de diamantes retiradas de Roosevelt que estavam sendo transportadas para Minas Gerais.

FONTE: RONDONIAGORA – https://www.rondoniagora.com/cidades/com-presenca-do-ministro-ricardo-salles-ibama-deflagra-maior-operacao-contra-extracao-de-madeira-em-espigao-do-oeste

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.