Imazon: Desmatamento da Amazônia aumentou 84% em setembro de 2018

O desmatamento da Amazônia alcançou 444 quilômetros quadrados segundo dados divulgados ontem (29) pelo Instituto do Homem e do Meio Ambiente da Amazônia (Imazon). Um aumento de 84% se comparado ao mesmo mês do ano anterior, quando o desmatamento foi de 241 km2.

Em 2018 o Amazonas conseguiu superar outros estados, sendo responsável por 24% do desmatamento da floresta, seguido pelo Mato Grosso (23%), Rondônia (20%), Pará (19%), Acre (11%), Roraima (2%) e Amapá (1%).

A grande maioria (58%) ocorreu em áreas privadas ou sob diversos estágios de posse. Assentamentos de Reforma Agrária foram responsáveis por 24%, Unidades de conservação, 14% e os territórios indígenas por 4%.

Degradação ambiental

Os boletins divulgados pela organização diferencia desmatamento, quando acontece a supressão da cobertura florestal, de degradação florestal, estágios anteriores de danificação florestal, como queimadas ou extração predatória, por exemplo.

Em setembro de 2018 foram 138 km2 de degradação florestal, uma redução de 96% em relação ao mesmo mês do ano anterior, quando totalizou 3.479 km2. Os alertas de degradação vieram do Mato Grosso (62%), Pará (22%), Roraima (6%), Rondônia (5%), Amazonas 4% e o Acre teve menos de 1%.

Leia o informativo completo

Fonte: Amazônia.orG
VER MAIS EM: https://amazonia.org.br/2018/10/imazon-desmatamento-da-amazonia-aumentou-84-em-setembro-de-2018/ 

 

 

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.