Pesquisadores apresentam resultados de estudos sobre mudanças climáticas

De 1º a 4 de outubro, acontece em Brasília a 3ª Oficina de Trabalho Mudanças Climáticas e Recursos Hídricos. O objetivo é identificar os principais avanços e impactos dos 35 projetos de pesquisa sobre mudanças climáticas, selecionados por meio do Edital CAPES/ANA nº 19/2015 e da Chamada MCTI/CNPq/ANA nº 23/2015.

O encontro é realizado pela Agência Nacional de Águas (ANA), Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico (CNPq), Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior (CAPES) e Ministério da Ciência, Tecnologia, Inovações e Comunicações (MCTIC). 

Durante a 3ª Oficina, no auditório do CNPq, representantes dos projetos selecionados terão a oportunidade de apresentar os resultados finais e os avanços obtidos nos quase 3 anos de trabalho. O evento também proporciona o intercâmbio entre as instituições de pesquisa que desenvolvem os projetos sobre mudanças climáticas, além de um espaço de diálogo entre os pesquisadores e os representantes dos órgãos públicos envolvidos nas seleções. 

Os projetos de pesquisa selecionados abordam os impactos da mudança do clima sobre os sistemas naturais e humanos, medidas de adaptação com ênfase em recursos hídricos e usos da água, além de estoques e fluxos de carbono no solo e na vegetação do Brasil. Estes projetos de pesquisa se encerram até o fim do ano. 

Entre segunda e quarta-feira, os representantes dos 35 projetos terão um espaço de 20 a 40 minutos cada para apresentar os resultados das pesquisas sobre mudanças climáticas. A programação tem apresentações de pesquisadores de universidades das cinco regiões do País e de instituições nacionais, como o Instituto Nacional de Pesquisas Espaciais (INPE). Na manhã da próxima quinta-feira, 4 de outubro, haverá uma discussão sobre os resultados apresentados, uma avaliação do evento e o encerramento da 3ª Oficina. 

Edital ANA/CAPES 

Através do Edital CAPES/ANA nº 18/2015, lançado em outubro daquele ano, as duas instituições buscaram apoiar a pesquisa científica e tecnológica em mudanças climáticas e de usos da terra e seus impactos sobre os recursos hídricos. A área temática específica contemplada por esta seleção foi a de “Desenvolvimento de Modelos Global e Regional do Sistema Terrestre e Geração de Cenários de Mudanças Climáticas e de Usos da Terra Voltados ao Fornecimento de Projeções de Alterações de Comportamentos Hidrológicos”. 

O Edital foi voltado a pesquisadores de instituições de ensino superior (IES) ou instituições de pesquisa brasileiras, públicas e privadas sem fins lucrativos e com programas de pós-graduação stricto sensu recomendados pela CAPES com áreas de concentração ou linhas de pesquisa nas áreas de Mudanças Climáticas e Hidrologia. Também puderam participar cursos dirigidos aos temas contemplados no edital ou instituições que apresentaram projeto viável de implantação de pós-graduação stricto sensu nas linhas de pesquisa mencionadas. 

Chamada MCTI/CNPq/ANA

Também em outubro de 2015, foi lançada a Chamada MCTI/CNPq/ANA nº 23/2015 para selecionar propostas para apoio financeiro a projetos de desenvolvimento científico, tecnológico e de inovação relacionados a mudanças climáticas. O objetivo foi estimular pesquisas referentes a impactos das mudanças climáticas sobre os sistemas naturais e humanos; medidas para adaptação com ênfase em recursos hídricos e seus usos; estoques e fluxos de carbono no solo e na vegetação no Brasil; e modelos matemáticos atmosféricos e hidrológicos em escala local e regional. 

Os trabalhos selecionados foram divididos por duas linhas temáticas. A primeira é de previsão e avaliação dos impactos associados à mudança do clima. A segunda é relativa à análise dos impactos associados à mudança do clima em outros setores e sobre povos e comunidades vulneráveis. No lançamento da Chamada foram previstos R$ 6,7 milhões para os projetos – sendo R$ 4 milhões da ANA e o restante do MCTIC – cuja liberação dos recursos ficou por conta do CNPq.

FONTE: ANA – Agência Nacional de Águas

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.