Indígenas isolados são avistados no Maranhão

Indígenas isolados do povo Awá foram avistados por brigadistas que combatem o fogo no interior da Terra Indígena (TI) Araribóia, no estado do Maranhão.

Como vem ocorrendo todos os anos, o período de seca tem provocado diversos focos de calor e incêndios no interior das terras indígenas no estado. Ano passado, o fogo na Terra indígena Araribóia (MA) chegou a atingir 220 mil hectares da área e cerca de 300 pessoas participaram da Operação Awá, de combate ao fogo, entre elas 60 indígenas de três etnias.

Este ano, as ações de combate ao fogo foram intensificadas quando os focos de calor tiveram início na região, no mês de julho. Uma equipe formada por mais de 60 brigadistas do Prevfogo/Ibama começou o trabalho de combate ao fogo desde então. Segundo o Prevfogo, no momento, as chamas atingiram cerca de 18% dos 413 mil hectares da TI.

Com o propagação das chamas pelas áreas com presença de isolados, a Coordenação-Geral de Índios Isolados e Recém Contatados (CGIIRC) da Funai foi acionada para acompanhar a situação, por meio da Frente de Proteção Etnoambiental Awá Guajá. As equipes que combatem o fogo estão sendo orientadas sobre como proceder com relação a presença de indígenas isolados nas áreas atingidas.

As informações que se dispõe até o momento sobre o avistamento dos isolados são desencontradas e técnicos da CGIIRC/FPE Awá Guajá já se deslocaram ao local para qualificar as informações e orientar as equipes de campo.

FONTE: FUNAI

 

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.