Operação conjunta da Funai, Ibama, Polícia Militar e Polícia Federal desativa serraria no interior da Terra Indígena Roosevelt

A operação de fiscalização realizada pela Funai juntamente com a Polícia Militar Ambiental de Rondônia, Ibama e Polícia Federal foi empreendida entre os dias 29/09 e 02/10, objetivando combater ilícitos ambientais nas Terras Indígenas (TI) Sete de Setembro e Roosevelt (RO), territórios tradicionais dos povos indígenas Paiter Surui e Cinta Larga, respectivamente.     

No interior da TI Sete de Setembro, a Funai, a Polícia Militar Ambiental e o Ibama apreenderam 4 (quatro) motocicletas e 1 (uma) arma de caça em local de extração ilegal de madeira na região conhecida como linha 13. No local foram constatadas grandes áreas de corte seletivo e madeira beneficiada. 

Na Terra Indígena Roosevelt, a equipe destruiu uma serraria instalada no interior da área indígena. No local foi possível identificar uma grande quantidade de madeira desdobrada, motores, equipamentos para beneficiamento da madeira e um trator. Os madeireiros fugiram pela mata ao perceber a aproximação da equipe de fiscalização. O trator e os equipamentos foram destruídos e 01 (uma) motosserra foi apreendida. 

Há suspeitas da existência de supostas organizações criminosas compostas por madeireiros, proprietários de empresas madeireiras receptadoras e proprietários rurais titulares de planos de manejos florestais, os quais adentram em terras indígenas para realizar atividades ilegais de extração, transporte e comércio de produtos florestais. O impacto dessa atividade é deletério para os povos indígenas e seus territórios, na medida em que promove a degradação dos recursos naturais das TIs.  

A Funai, por meio da Coordenação Regional de Cacoal/RO e com apoio da Coordenação Geral de Monitoramento Territorial (CGMT), vem articulando novas ações de fiscalização na região com o intuito de combater os crimes ambientais nas Terras Indígenas, preservando o meio ambiente e os territórios tradicionais, imprescindíveis para a manutenção física e cultural dos povos indígenas.

FONTE:  FUNAI

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.