Senador pede ‘tolerância zero’ para quem derruba a floresta amazônica

O senador Valdir Raupp (PMDB-RO) ressaltou, nesta segunda-feira (1), a necessidade de ações do governo contra o desmatamento ilegal no Norte do País. Ele é favorável a um programa de tolerância zero para quem derruba a floresta amazônica. No Plenário, o senador observou que o desmatamento está associado à ocupação ilegal das terras.

– Com as terras documentadas eu tenho certeza absoluta que vai cair o desmatamento da Amazônia. O que falta é a regularização fundiária da Amazônia brasileira – afirmou.

Atualmente, segundo o senador, 17% da floresta brasileira estão desmatados. Raupp destacou que o desmatamento de 40% levaria a Amazônia ao total desequilíbrio e à redução das chuvas no centro-sul do país, o que prejudicaria a população, o agronegócio, a indústria e o setor de serviços. Também causaria crise energética, uma vez que a matriz brasileira é hidráulica.

Raupp comentou ainda a importância da Conferência das Nações Unidas sobre o Clima, aberta hoje no Peru. Na opinião do senador, os mais de 190 países envolvidos precisam gerar um acordo que obrigue as nações a reduzir emissões de gases nocivos à atmosfera a partir de 2020.

Agência Senado (Reprodução autorizada mediante citação da Agência Senado)

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*