Pesquisadores rastreiam tribos isoladas na Amazônia com ajuda do Google Earth

Um grupo de cientistas usa o Google Earth como ferramenta para estudar tribos isoladas da Amazônia. O objetivo dos especialistas era analisar os povos indígenas de maneira menos invasiva. As informações são do site Popular Science. 

Em um estudo publicado no American Journal of Human Biology, os pesquisadores analisaram imagens de satélite de uma determinada aldeia na Amazônia localizada na fronteira entre o Brasil e o Peru. A equipe calculou que a população é de menos de 40 habitantes.

Pesquisador da Universidade de Missouri, nos Estados Unidos, Rob Walker disse em um comunicado que aldeias isoladas como esta enfrentam ameaças constantes de extinção e que pesquisas como deste tipo podem servir para informar e criar limites ou zonas que permitiriam a estas tribos viverem isoladas.

— O desmatamento, a pecuária, a mineração ilegal e a colonização ameaçam a sua existência. A maioria dessas tribos é formada por horticultores itinerantes, por isso, seus campos de corte e queima são observáveis em imagens de satélite.

Segundo Walker, as tribos se movem fugindo de ameaças externas e este movimento requer monitoramento constante para que ainda haja esperanças de preservar seu habitat e cultura.

Fonte: R7 

http://amazonia.org.br/2014/05/pesquisadores-rastreiam-tribos-isoladas-na-amazonia-com-ajuda-do-google-earth/

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.