Ibama publica novas regras para o Documento de Origem Florestal

Instrução Normativa nº 21/2013, publicada hoje (30) no Diário Oficial da União, seção 1, página 830, estabelece importantes inovações referentes à normatização de novos mecanismos incorporados ao sistema Documento de Origem Florestal (DOF) e a consolidação de orientações para procedimentos e conceituações. O DOF é a licença obrigatória para transporte e armazenamento de produtos florestais de espécies nativas do Brasil.    Continuar lendo Ibama publica novas regras para o Documento de Origem Florestal

Petrobras destina mais de R$ 110 milhões para preservação da biodiversidade na Amazônia

Nos últimos seis anos, os investimentos da Petrobras destinados a projetos sociais e ambientais no bioma amazônico atingiram R$ 110,8 milhões – o que viabilizou a proteção de 28 espécies de animais nativos. Continuar lendo Petrobras destina mais de R$ 110 milhões para preservação da biodiversidade na Amazônia

Índios remontam pedágio incendiado durante protesto no Sul do Amazonas

Neste domingo (29), os indígenas da etnia Tenharim montaram novamente um pedágio na rodovia Transamazônica (BR-230). A estrutura foi feita de madeira. As antigas barreiras de pedágio foram incendiadas, na sexta-feira (27), por moradores da cidade de Apuí e do distrito de Santo Antônio de Matupi, regiões no Sul do Amazonas e cortadas pela rodovia, durante protestos que cobram buscas por um grupo desaparecido na área. Os manifestantes acreditam que os índios sequestraram os três homens.  Continuar lendo Índios remontam pedágio incendiado durante protesto no Sul do Amazonas

Ateliê Geográfico

A revista Ateliê Geográfico, publicação do Programa de Pós-Graduação em Geografia do Instituto de Estudos Socioambientais (IESA) da Universidade Federal de Goiás (UFG), acaba de publicar seu último número, disponível em http://www.revistas.ufg.br/index.php/atelie. cover_issue_1419_pt_BR

  Continuar lendo Ateliê Geográfico

Senado Federal – Estudo de consultores mostra que país troca hidrelétricas por energia mais cara e poluente

“Por que o Brasil está trocando as hidrelétricas e seus reservatórios por energia mais cara e poluente?” O questionamento intitula estudo dos consultores do Senado Marcio Tancredi e Omar Alves Abbud. Para os consultores, embora o Brasil seja um dos países mais privilegiados do mundo em matéria de fontes de geração de energia elétrica, e a energia hídrica seja a mais barata e limpa, sua exploração é inadequada, resultando em um abastecimento nacional sem a confiabilidade necessária. Atualmente, segundo Tancredi e Abbud, o abastecimento tem sido garantido por meio do acionamento das usinas térmicas, sempre que o nível dos reservatórios atinge estado crítico. A fórmula, no entanto, não é a mais indicada, segundo os especialistas.
Usina hidrelétrica de Belo Monte.

Las consecuencias de la minería sobre el medio ambiente y el pueblo brasileño

Compartimos el documental “Enquanto o trem não passa” (Mientras no pasa el tren) producido por el colectivo de medios de comunicación Mídia NINJA y que trata de la realidad de las comunidades afectadas por la actividad minera en Brasil.   Continuar lendo Las consecuencias de la minería sobre el medio ambiente y el pueblo brasileño

RR – Funai inaugura base e pede que garimpeiros saiam pacificamente

Após se tornar um dos locais de maior atividade de extração ilegal de minérios dentro da Terra Indígena Yanomami, o rio Uraricoera recebeu uma Base de Proteção Etnoambiental, a quarta implantada pela Fundação Nacional do Índio (Funai). A instituição estipulou como limite o dia 15 de janeiro para que os garimpeiros deixem pacificamente a área – situada a noroeste do Estado, próximo à fronteira com a Venezuela – sem que sejam presos ou tenham material apreendido. Continuar lendo RR – Funai inaugura base e pede que garimpeiros saiam pacificamente

Regularização fundiária da Terra Indígena Yanomami é retomada

Entre os dias 02 e 05 de dezembro, a Fundação Nacional do Índio, através da Frente de Proteção Etnoambiental Yanomami e Ye´kuana (FPEYY) e com o apoio da Coordenação Regional de Boa Vista, retomou o processo de regularização fundiária da TI Yanomami, dando continuidade à extrusão de ocupantes não-índios que ainda permaneciam localizados na região do rio Ajarani, porção leste da Terra Indígena Yanomami. Após decisão judicial a retirada do gado da fazenda de Antônio Alcemir Pinho Bezerra foi feita de maneira totalmente pacífica. A Polícia Federal e a Polícia Rodoviária Federal participaram da ação, porém, não foi necessário o uso da força policial, pois as negociações realizadas durante o segundo semestre de 2013 garantiu a retirada dos ocupantes sem conflito. No dia 16, representantes do MPF e da AGU participaram juntamente com a Funai da entrega simbólica aos Yanomami da área desintrusada, além de realizarem vistoria in loco das propriedades situadas em áreas ainda ocupadas terra indígena. Continuar lendo Regularização fundiária da Terra Indígena Yanomami é retomada

Mais de 400 projetos tramitam no Congresso para redefinir limites de Ucs

Não é de hoje que as Unidades de Conservação (UCs) se tornaram um alvo cobiçado e disputado tanto por ambientalistas quanto pelo setor do agronegócio e seus representantes do Congresso Nacional. Em recente levantamento realizado pelo Ministério do Meio Ambiente, foram identificados mais de 400 projetos de lei em tramitação no Congresso que tentam redefinir os limites de Ucs. A informação foi confirmada a ((o))eco pela ministra Izabella Teixeira e, segundo disse, não existe um bioma específico que sofre com esta inundação de projetos de lei. “Estão em todo o país”, assegurou.   Continuar lendo Mais de 400 projetos tramitam no Congresso para redefinir limites de Ucs

Brasil completa 10 anos de apoio à preservação com desenvolvimento

As políticas dedicadas aos extrativistas estão aumentando e recebendo acréscimo de investimento nos últimos dez anos. Povos e comunidades tradicionais, como ribeirinhos, quilombolas, seringueiros, quebradeiras de coco de babaçu, povos indígenas, ciganos e de terreiro, entre outros, cresceram em importância e estiveram na pauta do Ministério do Meio Ambiente e do governo federal.   Continuar lendo Brasil completa 10 anos de apoio à preservação com desenvolvimento

Conferência sobre mudança do clima fica aquém das expectativas de negociadores

A 19ª Conferência das Partes da Convenção-Quadro das Nações Unidas sobre Mudança do Clima (COP-19), que ocorreu entre 11 e 23 de novembro, em Varsóvia, na Polônia, foi criticada pela falta de liderança do país anfitrião na construção de um “mapa do caminho” para a agenda ambiental pós-2015, quando deve ser estabelecido um novo acordo global climático para entrar em vigor em 2020. As conversações para o novo acordo começam no ano que vem.   Continuar lendo Conferência sobre mudança do clima fica aquém das expectativas de negociadores

Painel Brasileiro de Mudanças Climáticas projeta clima mais quente para este século

No ano de 2013, foram divulgados os três volumes do primeiro relatório de avaliação nacional sobre mudanças climáticas do Painel Brasileiro de Mudanças Climáticas (PBMC). No início de setembro, o organismo científico, criado pelo governo federal em 2009 por meio dos ministérios da Ciência, Tecnologia e Inovação e do Meio Ambiente, revelou que as projeções mostram que haverá alta nas temperaturas do país no decorrer do século, mais períodos de seca no Norte e Nordeste e aumento das chuvas no Sul e Sudeste.   Continuar lendo Painel Brasileiro de Mudanças Climáticas projeta clima mais quente para este século

Mapa interativo online mostra evolução de desmatamento no mundo

Um novo mapa de alta resolução das florestas – online e interativo – foi criado com ajuda do site Google Earth. A ferramenta online está disponível gratuitamente na internet e permite uma aproximação detalhada de até 30 metros. Continuar lendo Mapa interativo online mostra evolução de desmatamento no mundo

Uso das reservas extrativistas divide opiniões de acrianos

Vinte e cinco anos depois do assassinato de Chico Mendes, as reservas extrativistas idealizadas por ele são um diferencial de áreas preservadas em meio a desmatamentos e longos pastos para a criação de gado. O modo de vida nesses locais não mudou muito: a simplicidade é a característica mais marcante. Continuar lendo Uso das reservas extrativistas divide opiniões de acrianos

Publicação mostra que é possível conciliar produção e conservação ambiental

Com base em situações reais encontradas no Estado do Mato Grosso, o livro Plantar, Criar e Conservar: unindo produtividade e meio ambiente, relata que associar a diversificação das atividades agropecuárias com a intensificação da produção, o respeito aos recursos naturais e a geração de renda não são incompatíveis

Continuar lendo Publicação mostra que é possível conciliar produção e conservação ambiental

WP2Social Auto Publish Powered By : XYZScripts.com