Criação de Áreas de Preservação Permanente (APPs)

A Comissão de Meio Ambiente e Desenvolvimento Sustentável realiza audiência pública hoje para discutir a criação de áreas de preservação permanente (APPs) em todos os países que participarão da Conferência das Nações Unidas Sobre Desenvolvimento Sustentável (Rio+20), que ocorrerá no Rio de Janeiro em junho.

A iniciativa do debate é do deputado Homero Pereira (PSD-MT). “A garantia ao acesso à água e ao saneamento é essencial. Com o aumento da população urbana, os países deveriam fazer projeções em longo prazo para o uso eficaz de seus recursos hídricos. Os países deveriam repensar a questão da água com uma visão independente de longo prazo”, disse ele.

De acordo com Pereira, atualmente, 800 milhões de pessoas no mundo não têm acesso à água potável.

Participarão da audiência:

-o consultor jurídico do Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento, José Silvino Da Silva Filho
-o diretor do Departamento de Florestas da Secretaria de Biodiversidade e Florestas do do Ministério do Meio Ambiente, Fernando Coutinho Pimentel Tatagiba;
– o diretor-Presidente da ANA( Agência Nacional de Águas),Vicente Andreu Guillo;
– o presidente da Comissão Nacional de Meio Ambiente da Confederação da Agricultura e Pecuária do Brasil (CNA), Assuero Doca Veronez;
– o pesquisador da Empresa Brasileira de Pesquisa Agropecuária (Embrapa) Gustavo Cursio
– o coordenador da Estratégia de Água Doce – Programa de Conservação da Mata Atlântica e das Savanas Centrais da TNC (The Nature Conservancy), Albano Henrique De Araújo.

FONTE : Agência Câmara de Notícias

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.