Roraima e sua importância geopolítica

10 de Janeiro de 2018  - Jaime de Agostinho

O Estado de Roraima com uma área total de 224.298,98 km2 (BRASIL, 2012) tendendo haver uma redução para 219.000 km2 devido ajustes na linha de fronteira com a Venezuela na área da Serra do Parima. 

Limita-se com a Venezuela ao Norte e Oeste; com a República Cooperativista da Guyana a Leste e Nordeste; com o Estado do Amazonas ao Sul e Sudeste e com o Estado do Pará a Sudeste.  

É o Estado mais setentrional do Brasil, com quase dois terços de sua área no hemisfério Norte. (Figura 1).   

O ponto extremo Norte do Brasil localiza-se em Roraima, na Serra do Caburaí alcançando 5º 16’19 “de latitude Norte (AGUIAR, 1943), sendo que a mídia nacional ainda divulga erroneamente a expressão de extensão Norte Sul do País, como sendo do Oiapoque ao Chuí, enquanto que o correto deveria ser da Serra do Caburaí ao Arroio Chui.

Esta informação, que não é nova, mostra que este conceito deve ser revisto urgentemente pelos autores de nossos livros didáticos adotados principalmente nas escolas do Estado e em outras regiões do país que colocam a nascente do Rio Uailã como o ponto extremo Norte do país. 

ÍNTEGRA DO ARTIGO: TextoInicial_IGHA_para_divulgação

Jaime de Agostinho

Doutor em Ciências (Geografia Humana) pela USP

Professor Associado do Depto. de Geografia da Universidade Federal de Roraima

Presidente da Fundação para o Ecodesenvolvimento da Amazônia – ECOAMAZONIA

jaimeagostinho@hotmail.com

 

 


Palavras-chave: ,


Deixe um comentário

*