MPF e Polícia Federal combatem a caça ilegal na Floresta Nacional do Amapá

15 de novembro de 2017  - Jaime de Agostinho

O Ministério Público Federal (MPF) e a Polícia Federal (PF), em conjunto com o Instituto Chico Mendes de Biodiversidade (ICMBio), deflagraram nesta terça-feira (14) a Operação Órion, que investiga a caça ilegal no interior da Floresta Nacional do Amapá (Flona). Cerca de 50 policiais federais participaram da operação no município de Porto Grande (AP), para cumprimento de 24 medidas cautelares, entre mandados de busca e apreensão e condução coercitiva. 

Imagem Ilustrativa: Acervo Flona do Amapá

Até o momento, as investigações apontam que uma associação criminosa tem promovido a caça de animais silvestres, sem a devida licença e com o uso irregular de arma de fogo, dentro da Flona. Os caçadores se valiam do difícil acesso à unidade de conservação para a prática dos crimes e chegavam a abater entre 30 e 50 animais por caçada. 

Além da caça ilegal, os investigados também ameaçavam servidores do ICMBio, descumprindo ordens de parada no posto de fiscalização, bem como intimidando os vigilantes com tiros de arma de fogo em suas residências. Os investigados irão responder, na medida de suas responsabilidades, pelos crimes de caça ilegal, associação criminosa armada, ameaça e posse/porte ilegal de arma de fogo. Se condenados, podem cumprir pena de até nove anos de reclusão. 

Órion – O nome da operação vem da mitologia grega, em que Órion foi um gigante caçador, um dos melhores a serviço de Ártemis. Os documentos, objetos e depoimentos colhidos nesta fase da operação irão embasar o seguimento das investigações pelo MPF e PF e poderão servir como provas a comprovação dos crimes. 

Flona do Amapá – Criada em 1989, a Floresta Nacional do Amapá possui uma área de 412 mil hectares, o equivalente a 381 mil campos de futebol. Localizada nos municípios de Ferreira Gomes, Pracauúba e Amapá, a Flona também é vizinha de outros cinco municípios do estado do Amapá: Porto Grande, Serra do Navio, Pedra Branca do Amapari, Calçoene e Tartarugalzinho. A Flona é uma unidade de conservação de uso sustentável, e a exploração da área deve seguir o Plano de Manejo da Floresta Nacional do Amapá, publicado em 2014.

Com informações da Polícia Federal 

Assessoria de Comunicação Social
Ministério Público Federal no Amapá
(96) 3213 7895
prap-ascom@mpf.mp.br
www.mpf.mp.br/ap
www.twitter.com/mpf_ap
www.fb.com/mpfederal

www.youtube.com/tvmpf

 

MPF e Polícia Federal combatem a caça ilegal na Floresta Nacional do Amapá

 


Palavras-chave: , , , ,


Deixe um comentário

*