Mulheres e índios vão para linha de frente no combate a incêndios em MS

1 de julho de 2011  - Luciano Barbosa

Pela primeira vez, a equipe de brigadistas do Ibama de Mato Grosso do Sul contará com seis mulheres, que auxiliarão no combate a incêndios florestais. Segundo o Ibama/MS, as funcionárias atuarão principalmente no Parque Estadual das Nascentes do Taquari, em Costa Rica, cidade localizada no norte do estado, a 384 quilômetros de Campo Grande.

Além das mulheres, o Prevfogo terá também este ano cerca de 30 brigadistas indígenas, das etnias terena e kadiwéu. Os índios atuarão em Porto Murtinho, Miranda e Aquidauana na proteção das reservas e aldeias, muitas consideradas unidades de conservação.

Os indígenas e as mulheres integram o corpo de 120 brigadistas contratados para trabalhar em seis municípios do estado, cinco deles no Pantanal sul-mato-grossense e um na região norte do estado. Além dos funcionários, 29 agentes foram treinados para combater incêndios na região do assentamento Santa Mônica, em Terenos, a 27 quilômetros de Campo Grande.

O Ibama/MS informou que as equipes devem começar a atuar no início de agosto.

Fonte: PortalMS


Palavras-chave: , , ,


Deixe um comentário

*